terça-feira, 9 de setembro de 2008

VASA MUSEU – ESTOCOLMO

Um dos lugares mais incríveis para se visitar em Estocolmo é um museu construído para abrigar um único navio, que por sinal tem uma história fascinante; a exemplo do Titanic, ele também não completou o que seria sua primeira viagem, na verdade ele não chegou sequer a sair do porto.

Essa história começou, quando um famoso rei sueco Gustavo Adolfo II, o denominado ‘Leão do Norte’, mandou construir um navio de guerra para afirmação do poder da dinastia dos Vasa.
Porém quando de seu lançamento no ano de 1628, ocorreu o inesperado naufrágio da embarcação, em pleno porto.

Em 1956, mais de trezentos anos após o acidente, um arqueólogo verificou que o barco naufragado encontrava-se surpreendentemente em bom estado de conservação devido às condições peculiares do local e propôs ao Rei Gustavo VI um projeto de resgate e restauração. Projeto totalmente exitoso.

Hoje, este museu que atrai a atenção de todas as pessoas que visitam Estocolmo, mostra de maneira muito elaborada, em detalhes, aquele que deveria ter sido um símbolo de força daquela família real e de seu povo.

Sobram informações sobre o modo de construção da época e arte em seus objetos de uso e ornamentação. São impressionantes as esculturas e entalhes em madeira que ainda se vê no barco. Construiram inclusive uma maquete bastante colorida simulando como seria o navio em operação. Vale a visita e a curtição. Deve-se também evitar qualquer associação entre o nome da dinastia e o que aconteceu com a barco. Por favor, nada de trocadilhos infames.

1 Comentários:

Blogger Mario Guedes disse...

Caríssimos,
História parecida com essa aconteceu nos festejos de aniversário de 500 anos do descobrimento um país do Novo Mundo.
É verdade que o Vasa velejou e depois vasou (é irresistível ...)e o nosso não consegui velejar, muito embora tenha conseguido manter-se à tona ...
Mario

29 de setembro de 2008 18:25  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial